Ibovespa recua e começa o mês de abril com queda de 2,81%

  •  
Ibovespa recua e começa o mês de abril com queda de 2,81% Foto: Divulgação

O Ibovespa, principal indicador de desempenho das ações negociadas na B3, fechou a quarta-feira, 1, com mais uma queda na semana, desta vez de 2,81%.

A bolsa paulista não conseguiu se recuperar das perdas que marcaram o mês de março e começou o período de abril com mais um recuo significativo.

O reflexo vem da constante incerteza em torno do Covid-19, que derrubou as ações nos pregões passados. Hoje, os papéis das companhias áreas voltaram a ser o destaque negativo dentro do mercado de capitais.

O índice brasileiro registrou 70.966,70 pontos, com um volume financeiro de R$ 21,831 bilhões.

Dentre os papéis que compõem o Ibovespa hoje, os que fecharam com as maiores altas foram: JBS, alta de 7,03%, Suzano, alta de 4,44%, e Marfrig, alta de 3,95%.

Já as ações que mais de desvalorizam foram: Azul, forte queda de 15,38%, CVC Brasil, também com grande perda, de 15,32%, e Gol, queda de 12,23%.

As ações mais negociadas no pregão foram as da Petrobras PN (2,22%), Vale (0,35%) e Itaú Unibanco (-7,26%).

(Redação - Investimentos e Notícias)