Setor mineral fecha 2017 com superávit de US$ 23,4 bi, diz Ministério

O comércio exterior do setor mineral, que abrange a mineração – (indústria extrativa, sem petróleo e gás) e indústria da transformação mineral (metálicos, não metálicos e compostos químicos inorgânicos) fechou o ano de 2017 com superávit de US$ 23,4 bilhões, apresentando crescimento de 30%, maior registrado nos últimos cinco anos, refletido, principalmente, pelo aumento das exportações e recuperação dos preços do minério de ferro. As exportações totalizaram US$ 46,4 bilhões e importações US$ 23 bilhões.

Vale informa sobre linha de crédito para Samarco

A Vale informa que pretende disponibilizar à Samarco linhas de crédito de curto prazo de até US$ 48 milhões para apoiar suas operações (US$ 42 milhões) no primeiro semestre de 2018 e cobrir as despesas relacionadas aos especialistas nomeados em consonância com o Acordo Preliminar com o Ministério Público Federal, assinado em janeiro de 2017, sem que isso configure uma obrigação da Vale para com a Samarco. Os fundos serão liberados à medida que forem necessários. Da mesma forma, a BHP Billiton Brasil pretende tornar disponível para Samarco linhas de crédito de curto prazo em termos e condições similares aos acima mencionados.

Projeto atenderá às novas diretrizes para os setores de energia e mineração

O Projeto de Assistência Técnica dos Setores de Energia e Mineral, Projeto Meta, foi prorrogado de 30 de junho de 2017 para 31 de dezembro de 2018. A iniciativa é resultado de parceria iniciada em 2012 entre o governo brasileiro e o Banco Mundial. A prorrogação atende às novas diretrizes para os setores e dá apoio à competitividade e crescimento econômico sustentável do País.

Assinar este feed RSS