BC reduz taxa Selic para 4,25% ao ano

  •  
BC reduz taxa Selic para 4,25% ao ano Foto: Divulgação

O Banco Central anunciou hoje, 4, que em sua 228ª reunião, o Copom decidiu, por unanimidade, reduzir a taxa Selic para 4,25% a.a.

Segundo o BC, os dados de atividade econômica divulgados desde o último Copom indicam que o processo de recuperação da economia brasileira continua, além do cenário externo, apesar do recente aumento de incerteza, manter níveis consideráveis em relação às principais economias.

O Comitê também avaliou que diversas medidas de inflação subjacente encontram-se em níveis compatíveis com o cumprimento da meta para a inflação em um horizonte para a política monetária do Brasil.

As expectativas de inflação para 2020, 2021 e 2022 apuradas pela pesquisa Focus encontram-se em torno de 3,4%, 3,75% e 3,5%, respectivamente.

No cenário híbrido com trajetória para a taxa de juros extraída da pesquisa Focus e taxa de câmbio constante a R$4,25/US$, as projeções do Copom situam-se em torno de 3,5% para 2020 e 3,7% para 2021. Esse cenário supõe trajetória de juros que encerra 2020 em 4,25% a.a. e se eleva até 6,00% a.a. em 2021.

Além disso, no cenário com taxa de juros constante a 4,50% a.a. e taxa de câmbio constante a R$4,25/US$, as projeções situam-se em torno de 3,5% para 2020 e 3,8% para 2021.

O BC ressaltou que, em seu cenário básico para a inflação, permanecem fatores de risco em ambas as direções. Ou seja, é preciso continuar com a agenda política sobre as reformas necessárias e analisar o ambiente externo, afim de que haja uma recuperação sustentável da economia.


(Redação - Investimentos e Notícias)