Balança comercial inicia o mês com superávit de US$ 1,289 bilhão

A balança comercial brasileira iniciou julho com superávit (exportações maiores que importações) de US$ 1,289 bilhão. O resultado deveu-se a US$ 4,234 bilhões em exportações e US$ 2,945 bilhões em importações. Com o saldo positivo, o déficit acumulado no ano caiu de US$ 2,4 bilhões para US$ 1,2 bilhão. Os dados foram divulgados hoje (7) pelo Ministério do Desenvolvimento, Indústria e Comércio Exterior.

Balança comercial tem melhor resultado no mês de junho desde 2011

A balança comercial brasileira registrou superávit (exportações maiores que importações) de US$ 2,365 bilhões em junho. É o melhor resultado desde 2011, quando a balança ficou superavitária em US$ 4,428 bilhões. O saldo responde por US$ 20,468 bilhões em exportações e US$ 18,103 bilhões em importações.

Balança comercial tem superávit na terceira semana de junho

A balança comercial brasileira registrou novo superávit (exportações maiores que importações) em junho, ficando positiva em US$ 585 milhões na terceira semana do mês. No acumulado do mês, o saldo está positivo em US$ 2,148 bilhão. Já o déficit acumulado no ano caiu de US$ 3,2 bilhões para US$ 2,7 bilhões. Os dados foram divulgados hoje (24) pelo Ministério do Desenvolvimento, Indústria e Comércio Exterior.

Superávit em junho soma US$ 1,563 bilhão

Nos dez dias úteis de junho (1° a 15), as exportações brasileiras somaram US$ 10,026 bilhões, com média diária de US$ 1,002 bilhão, segundo dados do Ministério do Desenvolvimento, Indústria e Comércio Exterior. Pela média, o resultado é 5,1% menor que o registrado no mesmo mês do ano passado (US$ 1,056 bilhão).

Balança comercial tem superávit US$ 726 milhões na 1ª semana de junho

Na primeira semana de junho (1° a 8), o Brasil exportou US$ 5,322 bilhões, com uma média diária de US$ 1,064 bilhão, segundo dados do Ministério do Desenvolvimento, Indústria e Comércio Exterior. Na comparação com o resultado diário de junho de 2013 (US$ 1,056 bilhão), houve crescimento de 0,7% nas vendas. Houve aumento das exportações de produtos básicos (11,3%), com destaques em petróleo em bruto, carne suína e bovina, algodão em bruto, café em grão e farelo de soja.

Assinar este feed RSS