Vendas no varejo crescem 0,7% em novembro, diz IBGE

Segundo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), em novembro de 2017, o comércio varejista nacional registrou aumento de 0,7% no volume de vendas frente ao mês imediatamente anterior, na série com ajuste sazonal, compensando dessa forma o decréscimo de 0,7% registrado em outubro último. Com isso, o indicador de média móvel trimestral ficou praticamente estável (0,1%).

Movimento do Comércio sobe 0,2% em 12 meses

O Indicador Movimento do Comércio, que acompanha o desempenho das vendas no varejo em todo o Brasil, subiu 0,2% na avaliação acumulada em 12 meses (dezembro de 2016 até novembro de 2017 frente ao mesmo período do ano anterior), de acordo com os dados apurados pela Boa Vista SCPC (Serviço Central de Proteção ao Crédito). 

Atividade do comércio cresce 1,0% em novembro

De acordo com o Indicador Serasa Experian de Atividade do Comércio, o movimento dos consumidores nas lojas registrou, em novembro/17, alta de 1,0% perante outubro/17, já efetuados os ajustes sazonais. Na comparação como o mesmo mês do ano passado (novembro/16), houve alta de 6,4%. No acumulado do ano até novembro/17, a atividade varejista cresceu 0,8% frente ao período de janeiro a novembro do ano passado.

Atividade do comércio cresce 0,8% em outubro

De acordo com o Indicador Serasa Experian de Atividade do Comércio, o movimento dos consumidores nas lojas registrou, em outubro/17, alta de 0,8% perante setembro/17, já efetuados os ajustes sazonais. Na comparação como o mesmo mês do ano passado (outubro/16), houve alta de 6,5%. No acumulado do ano até outubro/17, a atividade varejista cresceu 0,3% frente ao período de janeiro a outubro do ano passado.

Índice de estoques do comércio varejista apresenta estabilidade em abril, aponta FecomercioSP

O aguardado equilíbrio no nível de estoques do comércio varejista de São Paulo, após as promoções do primeiro trimestre do ano, ainda não aconteceu e o ajuste segue em ritmo lento. Em abril, o Índice de Estoques (IE) atingiu 98,7 pontos, praticamente estável na comparação com março (98,9 pontos) e 15,3% superior em relação ao mesmo mês de 2016. A estabilidade do indicador no mês foi motivada pelo crescimento de 0,8 ponto porcentual (p.p.) na proporção de empresários que afirmaram contar com estoques abaixo do ideal e na queda de 0,6 p.p. dos que apontaram estar com mercadorias acima.

Preço será decisivo na compra do presente neste Dia das Mães, mostra Boa Vista SCPC

Se em anos anteriores o desejo ou a necessidade/utilidade do presente eram os principais atributos observados pelos consumidores no momento de decidir pela escolha do presente para o Dia das Mães, em 2017 o fator preço desbancou as opções anteriores. A constatação é da Boa Vista SCPC, em sua pesquisa sobre o comportamento do consumidor realizada de 5 a 27 de abril, com 600 entrevistados, de todo o Brasil.

Confiança do Comércio subiu 3,1 pontos em março

O Índice de Confiança do Comércio (ICOM) da Fundação Getulio Vargas subiu 3,1 pontos em março, ao passar de 82,5 para 85,6 pontos, o maior nível desde dezembro de 2014. Na métrica de médias móveis trimestrais, o índice avançou 2,4 pontos.

Assinar este feed RSS