Varejo brasileiro deve fechar 2018 com alta de 3,6%, diz ACSP

Projeção elaborada pela Associação Comercial de São Paulo (ACSP) aponta que o varejo nacional deve fechar o ano com crescimento de 3,6% sobre 2017. De acordo com o presidente da entidade, Alencar Burti, o número é motivo para se comemorar, mas ao mesmo tempo pede cautela. 'Considerando-se que essa tem sido a recuperação econômica mais lenta da nossa história, e também os percalços provocados pela paralisação dos caminhoneiros, é um aumento importante, maior do que o do ano passado. Mas o cenário é muito instável, principalmente o político-eleitoral. Muita coisa pode mudar até o fim do ano'.

 

Varejo cresce 2,8% na 1ª quinzena de julho em SP, revela ACSP

O movimento de vendas do varejo paulistano cresceu em média 2,8% na primeira quinzena de julho na comparação com o mesmo período do ano passado, segundo o Balanço de Vendas da Associação Comercial de São Paulo (ACSP). “Esse aumento foi maior do que o registrado em junho (2,2%), o que mostra que a economia está lentamente se recuperando após a paralisação dos caminhoneiros”, diz Alencar Burti, presidente da ACSP e da Federação das Associações Comerciais do Estado de São Paulo (Facesp). O resultado, porém, não foi uniforme entre os sistemas à vista e a prazo.

Vendas no varejo da China sobem 9,0% em junho

As vendas no varejo da China avançaram 9,0% em junho de 2018, na comparação com o mesmo mês de 2017, segundo informações divulgadas hoje pelo escritório nacional de estatísticas do país, National Bureau of Statistics (NBS). O resultado veio em linha com o esperado pelo mercado (9,0%).

(MR – Investimentos e Notícias)

Setor de shopping apresenta alta de 4,9% em vendas

De acordo com o monitoramento de mercado da Associação Brasileira de Shopping Centers (Abrasce), a receita nominal de vendas acelerou no mês de maio no comparativo anual, com alta de 4,9%. O Índice Cielo de Varejo em Shoppings Centers – ICVS ABRASCE, também apontou alta de 2,6% da receita nominal. "A alta dos índices, tanto em maio quanto no balanço do primeiro trimestre, são um sinal de continuidade do movimento de crescimento do setor e reafirmam a expectativa da entidade em fechar 2018 com crescimento entre 5% e 6%.", declara o presidente da Abrasce, Glauco Humai.

Faturamento do varejo paulista cresce 7,3% em abril

As vendas do comércio varejista no Estado de São Paulo atingiram R$ 52,9 bilhões em abril, alta real de 7,3% em relação ao mesmo período do ano passado. É a maior cifra registrada para um mês de abril desde 2008 e R$ 3,5 bilhões acima do apurado em abril de 2017. Com esse resultado, o faturamento real do setor acumulou altas de 6,8% no ano e de 5,5% nos últimos 12 meses.

Varejo brasileiro cresce 3,0% em maio

O varejo brasileiro apresentou alta de 3,0% em maio na comparação com o mesmo período de 2017, descontando a inflação que incide sobre a cesta de setores do varejo ampliado, aponta o Índice Cielo do Varejo Ampliado (ICVA) divulgado nesta terça-feira, dia 19. Em termos nominais, número que reflete o que o varejista observa diretamente na receita das suas vendas, o indicador registrou alta de 4,6% frente ao ano anterior.

Assinar este feed RSS