Faturamento das indústrias de materiais de construção segue em queda, aponta índice ABRAMAT

  •  
Faturamento das indústrias de materiais de construção segue em queda, aponta índice ABRAMAT Foto: Divulgação Faturamento das indústrias de materiais de construção segue em queda, aponta índice ABRAMAT

O índice da ABRAMAT – Associação Brasileira da Indústria dos Materiais de Construção, revela que abril apresentou retração de 10,5% com relação ao mesmo mês do ano passado. Já na comparação com março deste ano, o período indicou queda de 1,2% no faturamento deflacionado das indústrias de materiais de construção.

As indústrias de base e acabamento também demonstraram retração: 0,1% e 2,6%, respectivamente, se comparados aos faturamentos deflacionados apresentados no mês anterior. Com relação ao mesmo período do ano passado a queda foi de 12,6% para os materiais de base e 7,4% para os acabamentos.

Acompanhando os demais números, o nível de emprego nas indústrias de materiais de construção continua em retração. O quarto mês do ano, obteve déficit de 10% em relação a abril de 2015. Na comparação com março, contudo a queda foi menor, de apenas 0,6%.

Segundo Walter Cover presidente da ABRAMAT, “Há sinais que estamos naquilo que se costuma chamar fundo do poço, embora num nível muito baixo de atividade. A recuperação do mercado será lenta e gradual, mais em função da volta da confiança na economia com o desfecho da crise politica. O setor espera medidas de incentivo ao consumo e ao investimento, particularmente no credito imobiliário, nas concessões de obras públicas e num ritmo mais intenso do programa MCMV”.

A expectativa da ABRAMAT, para o faturamento deflacionado das indústrias de materiais de construção, em 2016, é de retração de 4,5% em comparação com 2015.

(Redação - Agência IN)