Santos Brasil apresenta lucro líquido de R$ 7,7 mi no 3T19

  •  
Santos Brasil apresenta lucro líquido de R$ 7,7 mi no 3T19 (Foto:Divulgação) Santos Brasil apresenta lucro líquido de R$ 7,7 mi no 3T19

A Santos Brasil apresentou lucro líquido de R$ 7,7 milhões no 3T19. No período, a receita líquida consolidada totalizou R$ 250,1 milhões e o EBITDA (lucro antes de juros, impostos, depreciação e amortização) atingiu R$ 59,4 milhões, com margem de 23,7%. O EBITDA pró-forma recorrente foi de R$ 42 milhões, com margem de 16,8%.

O saldo de caixa da Companhia em 30 de setembro era de R$ 464,2 milhões e o caixa líquido de R$ 3,3 milhões. Os investimentos da companhia no trimestre somaram R$ 24,9 milhões, sendo R$ 19,5 milhões no Tecon Santos relativos à obra de expansão do cais.

De acordo com o diretor Econômico-Financeiro e de Relações com Investidores da Santos Brasil, Daniel Pedreira Dorea, o resultado mostra que a Companhia está no caminho certo. “Se, por um lado, o desempenho da economia foi menor do que o esperado, com o Porto de Santos praticamente estável ano-contra-ano, de outro, a Santos Brasil tem consistentemente crescido num ritmo superior, com ganho de market-share e recuperação de margens. As nossas expectativas são positivas no médio e longo prazos, inclusive a partir dos investimentos na nossa principal unidade, o Tecon Santos.”

Resultado Operacional

A movimentação de cais nos três terminais da Santos Brasil - Santos (SP), Imbituba (SC) e Vila do Conde (PA) - apresentou crescimento de 5,3% no terceiro trimestre de 2019 em relação ao mesmo período de 2018, totalizando 304.143 contêineres. Nas operações de longo curso, que representaram 72,5% do total movimentado no 3T19, o volume de contêineres de importação cresceu 31,9% e o de exportação apresentou queda de 7,6% em relação ao 3T18. As operações de cabotagem cresceram 5,5% e representaram 27,5% do volume total movimentado.

O Tecon Santos movimentou 262.993 contêineres no 3T19, aumento de 8,7% em relação ao 3T18. A utilização anualizada da capacidade instalada do Tecon Santos nos nove meses do ano foi de 83%. A companhia manteve a liderança no Porto de Santos, com uma participação de mercado de 40,3% no acumulado do ano (vs. 35,4% no mesmo período em 2018). O crescimento apresentado pelo Tecon Santos no 3T19 superou em mais de sete vezes o crescimento do Porto.

O Tecon Imbituba movimentou 11.740 contêineres no 3T19. A movimentação de contêineres de longo curso, correspondeu a 3,2% do volume do terminal e as operações de cabotagem, a 96,8%.

No Tecon Vila do Conde, o volume de contêineres movimentados cresceu 9,3% no 3T19, atingindo 29.410 unidades. As operações de longo curso representaram 71,3% do volume total e tiveram crescimento de 19,6% ano contra ano. As exportações cresceram 17,2% e as importações, 22%.

O TEV movimentou 39.660 veículos no 3T19, volume 29,3% menor que o do 3T18, reflexo da retração das importações nacionais e do arrefecimento das exportações para a Argentina.

O volume de contêineres armazenados na Santos Brasil Logística caiu 4,8% no 3T19.

(Redação – Investimentos e Notícias)