Bolsas dos EUA fecham em alta, Dow Jones bate recorde

Nos Estados Unidos, o índice Dow Jones encerrou em uma máxima recorde nesta quinta-feira, 6. O otimismo gerado pelos dados semanais de pedidos de auxílio-desemprego fez bem à saúde do pregão, enquanto as ações das fabricantes de vacinas caíram depois que o presidente dos Estados Unidos, Joe Biden, apoiou planos de quebra de patentes dos imunizantes contra a Covid-19.

Com isso, o índice Dow Jones subiu 0,93%, para 34.548,53 pontos. O S&P 500 ganhou 0,82%, para 4.201,62 pontos. Enquanto o Nasdaq subiu 0,37%, para 13.632,84 pontos.

(Redação - Investimentos e Notícias)

Dow Jones tem dia de máxima recorde e sobe 0,29%

Nos Estados Unidos, o índice Dow Jones encerrou em uma máxima recorde nesta quarta-feira, 5, enquanto o Nasdaq acabou fechando em queda. Os setores de energia e materiais básicos deram ar ao mercado financeiro, liderando ganhos entre seus pares no S&P 500.

 

Setor privado dos EUA cria mais empregos em abril de 2021

O setor privado dos Estados Unidos gerou 742 postos de trabalho em abril de 2021, ante o mês anterior, segundo dados divulgados hoje na pesquisa ADP Employment. O resultado veio abaixo do que o previsto por analistas, que estimavam a abertura de 800 empregos no mês.

Wall Street fecha sem direção, Dow Jones sobe 0,70%

Nos Estados Unidos, os índices S&P 500 e Dow Jones encerraram em alta nesta segunda-feira, 03, enquanto o Nasdaq recuou. A temporada de balanços positivos animou os investidores, enquanto o Nasdaq sofreu pressão decorrente de quedas em algumas ações de alto crescimento.

 

PMI industrial dos EUA marca 60,5 pontos em abril

O índice gerente de compras (PMI, na sigla em inglês) industrial dos Estados Unidos registrou 60,5 pontos em abril de 2021, ante os 60,6 pontos do mês anterior, segundo dados divulgados pelo instituto Markit Economics.

(Redação – Investimentos e Notícias)

 

Ações dos EUA fecham em queda, Dow Jones perde 0,54%

Nos Estados Unidos, o Wall Street encerrou em queda nesta sexta-feira, 30. As ações da Apple (NASDAQ:AAPL) (SA:AAPL34) e da Alphabet (NASDAQ:GOOGL) (SA:GOGL34), além de outras empresas do setor dee tecnologia, acabaram pesando sobre os índices S&P 500 e Nasdaq, embora recentes balanços trimestrais tenham mostrados dados bastante fortes.

 

Assinar este feed RSS