Intel divulga receita trimestral recorde de US$ 14,6 bi

  •  
Intel divulga receita trimestral recorde de US$ 14,6 bi Foto: Divulgação Intel divulga receita trimestral recorde de US$ 14,6 bi

A Intel Corporation divulgou hoje a receita do terceiro trimestre de US$ 14,6 bilhões, lucro operacional de US$ 4,5 bilhões, lucro líquido de US$ 3,3 bilhões e EPS de US$ 0,66. A empresa gerou aproximadamente US$ 5,7 bilhões em dinheiro com suas operações, pagou dividendos de US$ 1,1 bilhão e usou US$ 4,2 bilhões para a recompra de 122 milhões de ações ao portador.

"Estamos contentes com o progresso da empresa", disse o CEO da Intel Brian Krzanich. "Tivemos a maior receita da nossa história e um forte lucro neste trimestre. Há mais a fazer, mas nossos resultados nos dão confiança de que estamos executando com sucesso a nossa estratégia de ampliar nossos produtos para uma ampla gama de novos e empolgantes mercados".

Principais tendências das unidades de negócios no Q3

• A receita do PC Client Group foi de US$ 9,2 bilhões, alta de 6% equencialmente e de 9% ano a ano.
• A receita do Data Center Group foi de US$ 3,7 bilhões, alta de 5% equencialmente e de 16% ano a ano.
• A receita do Grupo da Internet das Coisas foi de US$ 530 milhões, baixa de 2% sequencialmente e alta de 14% ano a ano.
• A receita do Grupo de Mobilidade e Comunicações foi de US$ 1 milhão, consistente com as expectativas.
• A receita dos segmentos operacionais de software e serviços foi de US$ 558 milhões, alta de 2% sequencialmente e de 2% ano a ano.

As perspectivas de negócios da Intel não incluem o efeito potencial de quaisquer combinações de negócios, aquisições, alienações, investimentos estratégicos e outros investimentos significativos que possam ser finalizados após o dia 15 de outubro.

Quarto trimestre de 2014

• Receita: US$ 14,7 bilhões, mais ou menos US$ 500 milhões.
• Percentual de margem bruta: 64%, mais ou menos dois pontos percentuais.
• Gastos com P&D mais MG&A: aproximadamente US$ 4,9 bilhões.
• Custos com reestruturação: aproximadamente US$ 45 milhões.
• Amortização de intangíveis relacionados a aquisições: aproximadamente US$ 65 milhões.
• Impacto de títulos de investimentos, juros e outros: aproximadamente US$ 175 milhões de ganho líquido.
• Depreciação: aproximadamente US$ 1,9 bilhão.
• Alíquota Fiscal: aproximadamente 28%.
• Gasto de capital para o ano: US$ 11,0 bilhões, mais ou menos US$ 500 milhões.
Para mais informações sobre os resultados e as perspectivas da Intel, favor consultar o comentário do CFO em: www.intc.com/results.cfm.

As perspectivas de negócios da Intel são divulgadas em intc.com e podem ser reiteradas em reuniões públicas ou privadas com investidores e outros. As perspectivas de negócios serão efetivas até o fechamento dos negócios em 12 de dezembro exceto em caso de atualização mais cedo; exceto que as Perspectivas de Negócios para amortização de intangíveis relacionadas a aquisições, Impacto de títulos de investimentos, juros e outros, custos com reestruturação e redução de bens e alíquota fiscal, estarão efetivas apenas até o fechamento dos negócios no dia 21 de outubro. O período de silêncio da Intel começará no fechamento dos negócios em 12 de dezembro e durará até a publicação dos resultados financeiros da empresa para o primeiro trimestre, programado para 15 de janeiro de 2015. Durante o período de silêncio, todas as Perspectivas de Negócios e outras previsões publicadas nas notícias da empresa e relatórios encaminhados à Comissão de Valores Mobiliários e Câmbio dos EUA devem ser considerados históricos, referentes apenas a antes do Período de Silêncio e não sujeitos a atualização pela empresa.

As declarações contidas acima e quaisquer outras neste documento referentes a planos e expectativas para o terceiro trimestre, o ano e o futuro são previsões e envolvem vários riscos e incertezas. Palavras como "prevê", "espera", "pretende", "planeja", "acredita", "procura", "estima", "pode", "irá" e "deverá" e suas variações identificam previsões. Declarações referentes a ou baseadas em projeções e eventos incertos ou suposições também identificam previsões. Muitos fatores podem afetar os resultados reais da Intel, e as variações das atuais expectativas da Intel sobre tais fatores podem fazer com que os resultados reais difiram materialmente daqueles expressados nessas previsões. A Intel atualmente considera os fatores listados abaixo importantes e que poderiam fazer com que os resultados reais difiram materialmente das expectativas publicadas pela empresa.

• A demanda pelos produtos da Intel é altamente variável. A demanda pode ser diferente das expectativas da Intel devido a fatores que incluem mudanças nas condições econômicas e financeiras, confiança dos consumidores ou nível de receita, aceitação dos produtos da Intel e de seus concorrentes pelo mercado, pressões competitivas e de preços, incluindo as ações tomadas pelos concorrentes, restrições no fornecimento e outras interrupções que afetem os clientes, mudanças nos padrões dos pedidos de clientes, incluindo cancelamento de pedidos e mudanças no nível de inventário dos clientes.

• O percentual de margem bruta pode variar significativamente das expectativas com base na utilização da capacidade; variações na avaliação do inventário, incluindo variações relacionadas ao ritmo para o oferecimento de produtos qualificados para a venda; mudanças nos níveis de receita; mix de produtos para cada segmento; o ritmo e a execução da manufatura e os custos associados; custos para o início de produção; estoque em excesso ou obsoleto; variação nos preços unitários; defeitos ou interrupções no fornecimento de materiais e recursos; qualidade/rendimento da manufatura. As variações na margem bruta também podem ser causadas pelo ritmo dos lançamentos de produtos e despesas relacionadas, incluindo despesas de marketing, pela habilidade de respostas rápidas da Intel aos desenvolvimentos tecnológicos para incorporar novas características aos seus produtos, o que pode resultar em custos com reestruturação e redução de bens.

• A Intel opera em indústrias extremamente competitivas e suas operações possuem custos altos que são fixos ou difíceis de serem reduzidos em curto prazo.

• A quantidade, o ritmo e outras execuções do programa de recompra de ações da Intel podem ser afetados por mudanças nas prioridades da Intel para o uso do dinheiro para outros propósitos, como gastos operacionais, aquisições e devido a mudanças no fluxo de caixa e nas leis fiscais.

• A expectativa de alíquota de imposto baseia-se na lei fiscal atual e na receita esperada atual. A alíquota de imposto pode ser afetada pela jurisdição em que lucros são determinados para serem ganhos e taxados; mudanças nas estimativas de créditos, benefícios e deduções; a resolução de problemas advindos de auditorias fiscais junto a diversas autoridades fiscais, incluindo o pagamento de juros e multas; e a capacidade de realizar ativos de imposto diferido.

• Ganhos ou perdas com títulos de investimentos, juros e outros também podem variar das expectativas dependendo dos ganhos e perdas com a venda ou troca de ações, ganhos e perdas com métodos de investimentos em ações, despesas relacionadas ao débito de seguros, bem como com juros e outros investimentos, taxas de juros, balanços de caixa e mudanças no valor de instrumentos derivativos.

• Os resultados da Intel podem ser afetados por condições econômicas, sociais, políticas e físicas/infraestrutura adversas nos países em que a Intel, seus clientes ou seus fornecedores atuam, incluindo conflitos militares e outros riscos à segurança, desastres naturais, possíveis interrupções de infraestrutura, preocupações com a saúde e flutuações nas taxas de câmbio de moeda estrangeira.

• Os resultados da Intel poderiam ser afetados pelo ritmo de fechamento de aquisições e alienações e outras transações significativas.

• Os resultados da Intel também poderiam ser afetados por efeitos adversos associados a defeitos e errata de produtos (desvios de especificações publicadas) e por questões de litígio ou regulatórias envolvendo propriedade intelectual, acionista, consumidor, antitruste e outras. Um julgamento desfavorável poderia resultar em prejuízos financeiros ou a proibição de fabricar e vender um ou mais produtos, prejudicando práticas empresariais particulares, afetando a nossa habilidade de projetar nossos produtos, ou que requeiram outras medidas de remediação como o licenciamento compulsório de propriedade intelectual.

Uma discussão detalhada, destes e de outros fatores que poderiam afetar os resultados da Intel, está incluída nos relatórios da Intel para a Comissão de Valores Mobiliários e Câmbio dos EUA, incluindo os mais recentesnos Formulários 10-K e 10-Q.

Já está disponível para download uma transmissão pública sobre o anúncio de resultados no site www.intc.com.
A Intel planeja divulgar os seus resultados financeiros para o quarto trimestre de 2015 no dia 15 de janeiro de 2015. Imediatamente após a publicação dos resultados financeiros, a empresa planeja publicar os comentários de Stacy J. Smith, vice-presidente e chefe do departamento financeiro em www.intec.com/results.cfm. Uma transmissão pública online da coletiva para a divulgação dos resultados financeiros da Intel será realizada em seguida, às 2 p.m. PDT em www.intc.com.

(Redação- Agência IN)